Planear… O que o trouxe até aqui…

02/08/2017Maria Vieira

Tempo estimado de leitura: 1 minuto(s) e 6 segundo(s)


O que o trouxe até aqui… Não o leva até onde vai querer chegar!

Este é um dos maiores problemas que vemos nas empresas! As equipas fizeram determinadas apostas, acções e planos e ao longo de uns tempos conseguiram, de facto, crescer e passar de um ponto A para um ponto B. Mas hoje em dia o mercado deu uma tremenda reviravolta e as empresas estão a chegar à conclusão de que para alcançarem metas diferentes terão de fazer coisas diferentes.

Os clientes estão mais exigentes, as empresas necessitam de abordar o mercado de forma diferenciadora, a concorrência está mais agressiva que nunca e as equipas andam aflitas e desmotivadas. Neste contexto não faz qualquer sentido manter determinadas dinâmicas ou estratégias.

E se por um lado muitas empresas entendem que a altura é de inovar, (...Ler Mais...)

Há quanto tempo não faz o pino?

02/08/2017Anabela Conde

Tempo estimado de leitura: 1 minuto(s) e 30 segundo(s)


Lembra-se das aulas de ginástica quando éramos pequenos? Tantos momentos aos pinos e pinotes… havia dias que passávamos o tempo todo de pernas para o ar!
E há quanto tempo não damos a volta? Quando é que foi a última vez que questionou o caminho que estava a percorrer, que repensou os pontos de chegada pretendidos, que pôs em causa o caminho, que avaliou o ponto de partida sequer…?

Trazer novas perspetivas à nossa vida é bom, trazer novas perspetivas à vida das nossas empresas é hoje absolutamente inevitável.

Acreditar+

De que corremos atrás? Em que acreditamos? E o que queremos pessoal e profissionalmente?
Claro que todos temos sonhos, que desejamos coisas para nós… Mas pensamos muito nisso, pensamos intencionalmente nisso, ou ainda não?

Nesta semana, numa reunião de equipa no âmbito de um dos (...Ler Mais...)

A liderança da sua empresa pede feedback?

08/07/2017Jose Almeida

Tempo estimado de leitura: 1 minuto(s) e 9 segundo(s)


feedback

Uma das coisas que considero mais preciosas no domínio dos processos de liderança que tenho o prazer de implementar prende-se principalmente com a questão dos sistemas de monitorização e feedback.

Feedback?

Sim, feedback!

Eu sei que a maioria dos líderes não gosta deste processo, mas se não tem feedback por parte das pessoas da sua equipa, como é que sabe se está a liderar bem ou mal a sua equipa?

Muitas pessoas esquecem-se de que não estamos a lidar com máquinas.

Se fosse uma máquina, seria simples medir a eficácia. Bastaria analisar o output produzido pela mesma. No caso de seres humanos, o processo é um pouco mais complexo. Podemos até ter alguns indicadores de desempenho, mas se esses indicadores de desempenho não levam em linha de conta estes factores, podemos estar a caminhar a (...Ler Mais...)

TeamBuilding: Aprende-se a brincar?

08/07/2017Maria Vieira

Tempo estimado de leitura: 1 minuto(s) e 24 segundo(s)


teambuilding

Não estamos a falar de crianças, nem de nenhuma modalidade recente de desenvolvimento cognitivo dos mais novos, estamos mesmo a falar de adultos, de equipas e de empresas.

No rescaldo de mais um destes eventos, vejo como são importantes estes momentos de partilha, de envolvimento dos líderes, de “serious fun”, como costumamos dizer, para aprender, promover o espírito de equipa, para aferir como se reage aos problemas e às dificuldades.

Nós, que promovemos este tipo de aprendizagem, temos a noção de que, mais importante do que os jogos ou as dinâmicas criadas, é importante a exploração que fazemos desses jogos e dinâmicas e as “âncoras emocionais” que cada participante leva e aplica no seu dia-a-dia.

Para o sucesso deste tipo de eventos temos, no entanto, de perceber um conjunto de passos, de envolver as pessoas (...Ler Mais...)

Anterior
Seguinte
Acções de Formação em Destaque:

Cetelem, Motivação, Liderança, Coaching, Performance, Criatividade, Empreendorismo, Emprego, Carreira

“Após vários momentos de formação ao longo do ano, encontramos nesta acção desenvolvida em parceria com a Ideia & Desafios um momento diferente e muito enriquecedor.
Um tema, que pela sua ambiguidade podia tornar-se complexo e muito teórico, foi aqui abordado de uma forma bastante prática e experiencial,. Tornando a acção numa partilha de experiências, sensações e constatações muito importantes para o dia a dia da equipa comercial.
A capacidade da ID de cruzar o tema com realidade da nossa actividade foi o ponto forte desta acção, potenciando assim um maior proveito deste dia e da reflexão.
Parabéns à ID e ao José pela construção deste programa tão adaptado e participativo.”

Pedro Camarinha – Director Distribuição – Cetelem

Mais Testemunhos

Calendário

Mais Eventos

Siga-nos

Linkedin Facebook Twitter Google+ Pintrest Youtube Subscrever por rss Entrar em contacto por email