Liderança e Coaching

06/11/2017Maria Vieira

Tempo estimado de leitura: 1 minuto(s) e 25 segundo(s)


Motivação

Se fosse seria mais fácil, mas decerto não tão desafiante!

Está descrita na bibliografia e em muitos documentos a existência de determinadas personalidades geracionais. No fundo, os acontecimentos que cada geração atravessa ao longo do seu crescimento podem condicionar a sua forma de actuar, de trabalhar, de se motivar ou motivar outros, a importância que dá ao coaching e à formação.

Neste momento, temos muitas vezes 3 gerações a trabalhar em simultâneo e, em alguns casos, 4 gerações. Conhecê-las um pouco melhor pode ajudar a potenciar o que de melhor tem cada uma delas.
Temos a Geração dos Baby Boomers, da pós-guerra, nascidos entre 1945 e 1964, que são conhecidos pelo seu empenho a 150%. Aficionados no trabalho não entendem por que os outros não o são. Procuram o sucesso e gostam de trabalhar em (...Ler Mais...)

11/10/2017Jose Almeida

Tempo estimado de leitura: 1 minuto(s) e 1 segundo(s)


Coaching

Muito se fala de coaching nos dias que correm. Parece que de repente o mundo acordou para aqui virado.

Fala-se de Business Coaching, Coaching com PNL, Coaching Executivo, Coaching Comercial, Coaching de Equipas, Life Coaching, Food Coaching, Health Coaching, … coaching.

Acho que já percebeu a ideia. Ou seja, ninguém se entende!

A questão é: mas afinal de contas para que serve o Executive Coaching?

Esta é a vertente mais tradicional do coaching. Há quem diga que de facto é mesmo o único coaching que existe. Mesmo quando nos estamos a referir a “Life Coaching”, designação que algumas pessoas usam no mercado para separar o coaching no âmbito profissional do pessoal, na prática é coaching.

Consegue separar a pessoa do profissional?

Pois, nós também não. Estou para descobrir um processo de coaching que tenha feito (...Ler Mais...)

11/10/2017Maria Vieira

Tempo estimado de leitura: 1 minuto(s) e 15 segundo(s)


Futuro da Liderança

Há pouco tempo realizou-se em Portugal o 1.º Leadership Summit. Um dia inteiro dedicado às novas tendências na liderança e a pensar qual o futuro da mesma, que desafios enfrentam os líderes de agora e os de amanhã, em termos de recursos humanos, entre outros.

E, de facto, qual o futuro da liderança? Como deverão ser os líderes do futuro a gerirem equipas diferentes das que temos agora? Que competências devem desenvolver de forma consistente para poderem ser mais eficazes?

Foram muitos os conceitos interessantes escutados e partilhados. Profissionais de várias áreas e com backgrounds diferentes, com maior ou menor experiência como líderes, mas todos eles com histórias muito interessantes para contar. E claro, foi possível perceber que existiam palavras comuns, ideias que se repetiam e coincidiam em quase todas as palestras.

Deverão ser essas (...Ler Mais...)

11/10/2017Anabela Conde

Tempo estimado de leitura: 1 minuto(s) e 20 segundo(s)


Digital

As empresas viram-se obrigadas a dar um salto tecnológico para inovar e garantir a sua competitividade no mercado, mas tal não lhes abriu caminho para a desumanização… As Pessoas – líderes, colaboradores e parceiros – continuam a ser o factor diferenciador das Organizações.

O desafio é grande, se quisermos quantificar o impacto do digital na vida das Organizações.

Mas uma coisa é certa, a digitalização não vem a caminho, é já é uma realidade, e as empresas devem preparar-se para um Programa de Mudança transversal, que aborde simultaneamente a dimensão humana e a vertente tecnológica.

Humana e digital, dimensões complementares e necessárias?

É verdade que a multiplicidade geracional, a par com o salto tecnológico, traz um desafio acrescido à Liderança das empresas.

Por um lado, temos uma franja significativa de colaboradores nas organizações com maior (...Ler Mais...)

20/09/2017Maria Vieira

Tempo estimado de leitura: 1 minuto(s) e 26 segundo(s)


Aproveitar

Em tempo de regresso à rotina, aproveitam-se todos os momentos para gastar os últimos cartuchos, aproveitar ao máximo o calor e o sol que o nosso país nos disponibiliza e prolongar o que foram para muitos umas férias de praia, mar, descontracção e tempo para a família e amigos.

O desafio de escrever quase todas as semanas também nos convida a reflectir sobre o que podemos abordar que ajude o dia-a-dia das equipas e das empresas. Provavelmente muitos estão a aproveitar os últimos cartuchos e a convencer-se que mais tarde ou mais cedo terão mesmo de abandonar os chinelos, o fato de banho e a toalha ao fim de semana. Outros já começaram a sonhar com as férias do ano que vem, pois a rentrée foi intensa.

E de que últimos cartuchos poderemos estar a (...Ler Mais...)

20/09/2017Anabela Conde

Tempo estimado de leitura: 1 minuto(s) e 39 segundo(s)


FormaçãoOu será que as Equipas já não aprendem e consolidam conhecimento da mesma forma, quando falamos de formação?

Com 4 gerações a conviver em simultâneo no mercado de trabalho e com os colaboradores mais novos extremamente orientados à tecnologia, com o papel que a internet, os tablets, as redes sociais têm hoje na vida de todos, os estímulos à aprendizagem são totalmente diferentes.

E a própria forma como as pessoas trabalham, fisicamente no escritório ou de forma remota, em projectos curtos ou assignments de maior duração, com horários distintos e longos, e noutras geografias até, obriga-nos a todos a questionar a abordagem à Formação que proporcionamos.

Numa altura em que é preciso começar a pensar o budget para o próximo ano e os Planos de Desenvolvimento / Formação das Equipas, procurámos reflectir consigo e partilhar (...Ler Mais...)

12/09/2017Maria Vieira

Tempo estimado de leitura: 1 minuto(s) e 29 segundo(s)


EquipaQuando foi a última vez que desejou que todos os colaboradores da sua equipa fossem parecidos uns com os outros? Pegar e fazer um belo copy+paste à equipa? E se possível mais semelhantes a si, pensando da mesma forma e trabalhando com o mesmo empenho e garra com que todos os dias enfrenta o mercado?

Ocorrem por vezes ainda pensamentos sobre “erros de casting” feitos aquando a contratação de alguns colaboradores e que deixam os responsáveis a braços com decisões muito difíceis de tomar.

Liderar equipas é sem dúvida um dos maiores desafios, onde actuamos muitas vezes sem rede. Conheço excelentes líderes de equipa que se preocupam genuinamente com as equipas, que fazem tudo da forma mais correcta, e que por vezes têm desilusões com as equipas. As perguntas são imediatas… “O que fiz de (...Ler Mais...)

12/09/2017Anabela Conde

Tempo estimado de leitura: 1 minuto(s) e 26 segundo(s)


Top Performers

As Empresas tendem a distribuir o trabalho em função daquilo em que os seus colaboradores são bons, e não em função das competências em que eles têm potencial de desenvolvimento.

Citando Goethe, “Se tratarmos as pessoas como elas são, tornamo-las piores. Se lidarmos com elas como elas deveriam ser, ajudamo-las a tornarem-se no que são capazes de SER.” E isto é tão verdade que sempre que o fazemos, os colaboradores aprendem mais rápido e melhoram deliberadamente.

E este é o segredo para desenvolvermos novos talentos nas Organizações!

Talento – inato ou desenvolvido?

É verdade que o talento faz parte do ADN de um TOP Performer, mas ninguém nasce ensinado nem no auge do seu potencial…

Ajudar a crescer novos Top Performers constitui um verdadeiro desafio de Liderança porque exige motivar e desenvolver adicionalmente, o que (...Ler Mais...)

06/09/2017Maria Vieira

Tempo estimado de leitura: 1 minuto(s) e 32 segundo(s)


TodosQuando falamos de liderança, pensamos muitas vezes se não deveríamos ter todos os elementos da equipa iguais, ou se beneficiamos com a diferença e diversidade. Provavelmente queríamos todos diferentes em formas de estar, mas iguais em valores e código de ética.

Ainda há pouco tempo me cruzei com um artigo sobre as melhores personalidades de colegas a ter na equipa. Eram até chamados os 7 Magníficos. Por me recordar do filme onde o número era 12 e não 7, o artigo chamou-me à atenção.

Esses magníficos a ter na equipa seriam os entusiastas, os comunicativos, os líderes, os proactivos, os inovadores, os estrategas e os comprometidos.

Imediatamente pensei que muitos dos nossos clientes gostariam de ter equipas onde todos os elementos tivessem estas 7 características fantásticas, mas acredito que a especialização de alguns dos elementos (...Ler Mais...)

Anterior

Calendário

Mais Eventos

Siga-nos

Linkedin Facebook Twitter Google+ Pintrest Youtube Subscrever por rss Entrar em contacto por email