Abrir somente se as suas vendas estão mal!

27/06/2016Jose Almeida

Tempo de leitura: 1 min. e 25 seg.

3d wooden box on whiteAbrir somente se as suas vendas estão mal!

Esta frase faz-me sempre voltar aos tempos da minha juventude.

Antigamente, na saudosa Feira Popular onde íamos ao sábado à noite jantar a boa da sardinha ou do frango assado, existiam umas bancas com bugigangas que para qualquer criança de cinco anos eram uma perdição.

Nessas bancas existiam umas caixas de madeira que tinham muitas vezes os seguintes dizeres:

“Abrir em caso de…” e o caso, como é óbvio, variava.

Falta de ar, falta de amor, falta de… pois.

Mas hoje dei por mim a pensar:

“e se existisse uma caixa destas para quando as nossas vendas estão mal”?

Uma daquelas que quando abertas miraculosamente nos colocava nos tops das vendas da nossa empresa?

Uma que nos permitisse inverter os problemas que a famosa crise teima em (...Ler Mais...)

As objecções na venda, congelam-no?

27/06/2016Maria Vieira

Tempo de leitura: 1 min. e 31 seg.

Man holding a bomb in his handConsiderando as temperaturas que se fazem sentir no Inverno, até poderíamos pensar que toda a actividade comercial teria cessado! Mas não, hoje vamos apenas abordar um dos passos finais do ciclo de venda e que congela muitos comerciais: o tratamento de objecções na venda.

O ideal era sem dúvida uma venda avançar sem qualquer contratempo, finalizando com um fecho desejado por ambas as partes, mas em que universo é que isso acontece? Se não surgirem objecções na venda é porque não existe interesse por parte do cliente em conhecer mais sobre o produto ou serviço que lhe está a ser apresentado.

Para podermos estar à altura das objecções, a preparação é fundamental.

Cada equipa comercial está ao corrente das objecções mais frequentes que podem surgir e, se não está, deveria fazê-lo de imediato. E, mais (...Ler Mais...)

E se procurar dentro de si?

27/06/2016Anabela Conde

Tempo de leitura: 1 min. e 40 seg.

Deep thinking and soul searching concept with a person diving into a swimming pool shaped as a human face as a symbol of self examination and mental health issues related to inner feelings and emotions.Em momentos de viragem, como o de um ano que inicia, nada como parar, pensar, procurar dentro de si e questionar para progredir…

Ficamos sempre expectantes que os outros melhorem, que cheguem a horas, que escutem de uma vez por todas o que já lhes dissemos milhentas vezes, que se tornem mais produtivos, que reconheçam que não dá mais para fazer igual!

E nós? Temos uma atitude diferente? Ajustámos os nossos comportamentos?

E o que nos impede de procurar em nós?…

Ser o líder que gostava de ter

Há quem sorria quando pensa no líder que tem, quem se entusiasme com o que vão empreender conjuntamente no dia seguinte, e há quem se deprima pelo chefe que vai ver de novo a cada manhã, com sorte logo no elevador…

Não me diga que nunca teve (...Ler Mais...)

Desafios: Teria a coragem de cortar um braço?

20/06/2016Jose Almeida

Tempo de leitura: 1 min. e 30 seg.

desafios-xadrez-cavalosQuando falamos de desafios, uma das coisas que mais me preocupa hoje em dia prende-se com a motivação que as pessoas têm ou não têm para vender.

Principalmente de onde é que vem essa motivação.

Ainda na semana passada, em conversa com um potencial cliente, falávamos sobre este assunto.

Contava-me ele que está a tornar-se mais e mais difícil motivar os comerciais quando saem para a rua nos dias que correm.

No passado faziam uma reunião de vendas à 2ª Feira de manhã e todos puxavam uns pelos outros.

Hoje em dia puxam à mesma, mas para baixo.

De uma equipa de 20 vendedores, 2 deles passam hoje a vida numa postura contestatária e de política de terra queimada.

Já lá diz o ditado, a miséria gosta de companhia.

Quando, em conjunto com ele, analisávamos (...Ler Mais...)

Anterior

Tenho conhecido excelentes profissionais com quem me cruzei, e o José de Almeida e a Ideias e Desafios são um bom exemplo disso. Mas o que me mais me surpreendeu e faz toda a diferença na sua forma de actuar é a constante procura de conhecimento e evolução que reflecte o seu caminho para a excelência.

Isto faz toda a diferença na qualidade e eficácia dos  programas de formação e coaching que entrega.

João Falcato – Director de Recursos Humanos – Transporte Aéreo da TAP e Portugália

Mais Testemunhos

Palestra Online

Excelências nas Vendas em 2016 - Gravação já disponível
Palestra Online Gratuita

Calendário

Mais Eventos

Siga-nos