Quer fazer copy+paste à equipa?

12/09/2017 Maria Vieira

Tempo estimado de leitura: 1 minuto(s) e 29 segundo(s)


›› ! Todos os Recursos | Liderança e Coaching

EquipaQuando foi a última vez que desejou que todos os colaboradores da sua equipa fossem parecidos uns com os outros? Pegar e fazer um belo copy+paste à equipa? E se possível mais semelhantes a si, pensando da mesma forma e trabalhando com o mesmo empenho e garra com que todos os dias enfrenta o mercado?

Ocorrem por vezes ainda pensamentos sobre “erros de casting” feitos aquando a contratação de alguns colaboradores e que deixam os responsáveis a braços com decisões muito difíceis de tomar.

Liderar equipas é sem dúvida um dos maiores desafios, onde actuamos muitas vezes sem rede. Conheço excelentes líderes de equipa que se preocupam genuinamente com as equipas, que fazem tudo da forma mais correcta, e que por vezes têm desilusões com as equipas. As perguntas são imediatas… “O que fiz de errado? Serei mau líder? Porque é que esta pessoa foi injusta e não retribuiu tudo o que se fez ao longo dos anos?”

Há muitos anos que dizemos que a liderança vem sem certificados de garantia, ou seja, mesmo quando fazemos tudo como “vem nos livros” e mantemos a nossa forma de estar e os valores que nos regem inalterados e em prol da equipa, temos algumas surpresas, pois estamos a lidar com pessoas, com outros conjuntos de valores e dinâmicas que não fazem o match completo.

Mas voltando um pouco ao copy+paste, pare e pense. Se de facto a sua equipa fosse toda igual, qual o proveito que tiraria disso? A mais-valia encontra-se na diversidade e no apoio e compreensão que terão de ter para todos e por todos.

Pensando nos 4 perfis comportamentais de decisão, imagino sempre como seriam as equipas se todos fossem de facto muito semelhantes.

Relacionais

Colaboradores calmos, orientados à relação e que privilegiam ambientes onde todos se sintam confortáveis, sem competição aguerrida e sem conflitos. Querem que todos estejam felizes! Parece de facto um cenário idílico, mas por vezes falta algum sentido de arriscar, de actuar de imediato, de tomar decisões rápidas.

A falta de confronto entre as pessoas pode levar a receio de dar ideias novas, de pensar fora da caixa, e de confrontar opiniões que permitem outras equipas multidisciplinares crescerem mais depressa.

Sociais

Numa equipa de sociais ninguém se aborrece! Animação garantida, ideias constantes, novidades são sempre bem-vindas, e se pudermos confraternizar, melhor!

Os sociais são orientados às relações mas são rápidos na tomada de decisão, na abordagem e na gestão do risco. Mais temerosos e decididos que os relacionais, falta por vezes a calma para investir na organização e no planeamento de acções.

Ideias nunca irão faltar, mas estruturar e concretizar as mesmas será mais desafiante.

Analisadores

Falta aos sociais a capacidade de análise dos colaboradores com este perfil. São metódicos, organizados, conhecem os números e não falam de cor. Preferem conhecer e estar familiarizados com cada detalhe antes de avançarem para a tomada de decisão.

A capacidade de análise que têm dá-lhes uma visão dos factos excelente, embora depois se sintam receosos de arriscar ou avançar para outras abordagens. Confrontados com a necessidade de rapidez e eficácia, refugiam-se na necessidade de detalhe e não na envolvência pessoal.

Directivos

São os rápidos, directos e mais assertivos. Tomam decisões de forma autónoma com a presença de alguns dados e não se importam muito com a forma de pensar dos outros, não passando, no entanto, por cima de ninguém. Arriscam, são empenhados e sem receios. Adoram desafios e confrontados com dificuldades pensam sempre nas soluções.

São sem dúvida impulsionadores de mudança, muito embora a forma como a fazem não seja a com mais tacto.

Com estas linhas gerais pode olhar agora para a equipa e perceber que por vezes certas tarefas ficariam mais bem entregues a uns elementos que a outros, por que razão tem sempre colaboradores dispostos a arriscar e a mudar e outros que questionam se são os únicos a fazer determinada função ou se pode ser com a colaboração de todos.

Nunca faça um copy+paste à equipa na área comportamental de decisão. A soma das partes é muito maior que o todo, pois terá indivíduos preocupados com a conquista de objectivos, outros a definir e planear o caminho, e outros tantos que se ajudam mutuamente a conquistá-lo.

Se tiver de fazer algum copy+paste, que seja aos valores da empresa, para que sejam também os valores de cada um, à ética de trabalho, ao profissionalismo e ao espírito e garra para fazer acontecer.

Conteúdos que podem ser do seu interesse...



Tags: , ,

Calendário

Mais Eventos

Siga-nos

Linkedin Facebook Twitter Google+ Pintrest Youtube Subscrever por rss Entrar em contacto por email