Liderança e Coaching

01/09/2015Maria Vieira

Tempo de leitura: 1 min. e 55 seg.

Aposto consigo que depois de lhe perguntarem como foram as suas férias disseram imediatamente, sem que tenha tido tempo de responder, “pequenas, não?” ou então, e não menos frequente, “já ia outra vez?”.

Normalmente recebo olhares arregalados perante a resposta que invariavelmente dou “foram excelentes! Tenho o privilégio de poder tirar 3 semanas seguidas!”. E sim, esquecemo-nos frequentemente que temos esta benesse que está negada a muitos, ou porque infelizmente não podem tirar tanto tempo de férias, por variadas razões, ou porque mesmo tirando não têm a possibilidade de visitar outras regiões ou países como gostariam, ou porque dariam tudo para poder “meter” férias, mas encontram-se num estado de “férias forçadas”.

Provavelmente muitos gostariam que as férias fossem enormes. São (...Ler Mais...)

27/07/2015Maria Vieira

Tempo de leitura: 1 min. e 23 seg.

Para muitos começam a chegar as merecidas férias! Uns já foram, outros irão em breve, mas todos merecemos um tempo para descomprimir um pouco, descontrair e realinhar estratégias.

Mas as empresas não param no Verão… Abrandam, mas não param, nem se pretende que isso aconteça. Seja qual for a situação, a “máquina” continua e mantém-se a dinâmica. Longe vão os tempos em que muitas empresas fechavam nas férias e paravam tudo, desde a produção às vendas. Ficavam com o que se chama agora de “serviços mínimos”. O mundo mudou, o mercado também, e hoje “fechar nas férias” é inconcebível. O mundo das empresas está sempre em movimento e claro, para muitas esta é a melhor parte do ano!

Mas muitos (...Ler Mais...)

20/07/2015Jose Almeida

Tempo de leitura: 1 min. e 41 seg.

Os seus vendedores têm um plano de desenvolvimento comercial?

Não?

Então como é que quer que eles evoluam?

Nos dias que correm não é suficiente esperar que os profissionais da área comercial per si estabeleçam metas e objectivos de desenvolvimento e aprendizagem.

Conheço poucos comerciais que o fazem e, verdade seja dita, são normalmente as estrelas da companhia.

Se por norma em 90% das empresas com quem tenho trabalhado os comerciais não tomam essa iniciativa, as chefias e direcções comerciais deveriam fazê-lo por eles.

Nas empresas com quem trabalhamos temos tido o cuidado de endereçar esta questão, normalmente ao abrigo dos planos de avaliação da carreira comercial.

Não basta avaliar um comercial, dizer-lhe o que fez de bem e o (...Ler Mais...)

20/07/2015Anabela Conde

Tempo de leitura: 1 min. e 54 seg.

Um dos maiores problemas que denoto nas equipas de comerciais que formamos prende-se com o título do artigo de hoje.

É notório o desentendimento da realidade do cliente.

Este desentendimento passa por muitas vertentes.

Que elas se desmultiplicam como ninguém e que às vezes conseguem coisas dignas de Contos de Fadas, ninguém dúvida. O Palácio, esse sim, continua ainda a ter alguns tectos de vidro…

As Fadas

Será que a mulher pode ser tão boa líder quanto o homem? E em que medida o dia-a-dia delas contribui para o desenvolvimento do seu potencial de liderança?

Acredito verdadeiramente que haverá tantas extraordinárias Fadas como excelentes Duendes, não é necessariamente uma questão de género, mas uma questão de conciliar perfis comportamentais com (...Ler Mais...)

16/07/2015Jose Almeida

Tempo de leitura: 1 min. e 27 seg.

No outro dia estava numa reunião com um dos nossos maiores clientes a discutir alguns projectos de coaching que vamos fazer com eles este ano.

Quando abordámos a questão do “Executive Coaching” vi que ele, à semelhança de outros clientes nossos, apresentou algumas resistências.

A questão que ele me colocou foi:
“Mas isso não se aplica somente aos que são maus?”

Confesso que me desatei a rir. Temos algum à vontade um com o outro, fruto de vários anos de trabalho e de vários sucessos consecutivos, o que me permitiu ter esta reacção.

O que é certo é que o tema tem toda a pertinência, pois já não é primeira vez que a ideia me é ventilada.

Será que o (...Ler Mais...)

16/07/2015Maria Vieira

Tempo de leitura: 1 min. e 35 seg.

Quem não arrisca, não petisca, segundo diz o ditado.

E muitas vozes irão levantar-se e dizer que nos tempos que correm arriscar é quase um acto patológico, uma autêntica loucura e um comportamento totalmente excêntrico.

Mas será mesmo?

Então porque nos chegam tantas notícias de empreendedorismo, de negócios que vencem as estatísticas, de profissionais que arriscaram contra tudo e todos e tiveram sucesso? Claro que as notícias menos positivas têm a particularidade de ser mais mediáticas, mais impactantes e conseguem abafar as boas novidades, as notícias que motivam outros e que os entusiasmam.

Seja por necessidade, que aguça de facto o engenho, seja por opção, muitos profissionais continuam a arriscar, e aqui podemos pensar em arriscar na nossa empresa, com (...Ler Mais...)

06/07/2015Jose Almeida

Tempo de leitura: 1 min. e 33 seg.

Uma das situações sobre a qual mais vezes me questionam os Directores Gerais ou Gerentes das empresas com as quais reúno e com os quais habitualmente trabalho, tem a ver precisamente com a temática da Direcção ou Chefia Comercial e do facto de as suas vendas muitas vezes navegarem à vista.

Muitos deles abordam-nos para analisar e emitir um parecer sobre diversas áreas das suas empresas, entre elas a área comercial.

Imagine qual a questão mais frequente que me colocam.

“O problema está na equipa comercial, ou na sua chefia ou direcção?

Querem saber qual é a nossa resposta mais frequente?

Digamos que é ela por ela, umas vezes o problema centra-se na equipa, outras vezes centra-se na chefia ou (...Ler Mais...)

06/07/2015Maria Vieira

Tempo de leitura: 1 min. e 30 seg.

Proponho pensarmos de forma positiva no que diz respeito à motivação, à equipa e às suas metas. Sim, muitas empresas que conhecemos estão a conseguir ter bons resultados, a conseguir “fintar” a tão falada crise e a conquistar o seu lugar de sucesso. Com muito esforço, mas também confiança num futuro mais risonho, com foco nos resultados e com a certeza de que temos nas mãos muita da nossa capacidade de vencer.

Em Portugal, por norma, celebramos pouco. Quando alguém faz algo bem feito, o pensamento muitas vezes é o de que era sua obrigação ou função. E não deixamos de ter razão. Cada colaborador faz parte de um todo, tem as suas funções e tarefas definidas, e por isso (...Ler Mais...)

29/06/2015Jose Almeida

Tempo de leitura: 2 min. e 15 seg.

Quando falamos de motivação e de motivar equipas, uma das questões que habitualmente me colocam é:

“Porque é que as pessoas não atingem o que querem da vida?”

Parece um tema batido, mas tenho assistido assustadoramente a uma cada vez maior problemática associada a esta pergunta.

Quando somos líderes, esta pergunta acaba por ter um peso diferente.

Liderar não é fazer, liderar é conseguir que a nossa equipa faça aquilo que nós na maioria dos casos faríamos bem.

Nos dias que correm, em que a motivação não pode, por motivos óbvios, estar ligada a aspectos financeiros, torna-se fulcral que o líder consiga entender como é que a cabeça das pessoas que lidera funciona e, ao fim ao cabo, o que (...Ler Mais...)

Anterior

Palestra Online

Paixão no Serviço ao Cliente
Palestra Online Gratuita

Calendário

Mais Eventos

Siga-nos


Online