Liderança Intrapessoal

19/01/2016Maria Vieira

Tempo de leitura: 1 min. e 46 seg.

Sendo que por F.T. se deve entender Falta de Tempo!

Muitas pessoas queixam-se de que não têm tempo para nada. Mas querem mais horas do dia para trabalhar ou para poder VIVER?

O mundo perfeito seria aquele em que todos os nossos clientes, amigos, fornecedores, colegas e demais pessoas, se regessem pelo nosso calendário do Outlook! Mas o nosso mundo não é assim e para além de horas de aberturas e fechos de empresas, mais e menos alinhadas com a sua, negócios com vários fusos horários de diferença e cada vez mais a necessidade de conseguir aumentar a produtividade e rentabilidade, vamo-nos deixando levar pelo relógio.

A gestão do tempo é um desafio para qualquer equipa, mas será assim tão impossível? Quando reunimos com empresas e com os colaboradores, procuramos abordar o TEMPO de um (...Ler Mais...)

26/10/2015Maria Vieira

Tempo de leitura: 1 min. e 10 seg.

Ou ao decidir, a sorte só acontece aos outros?

Mas até que ponto não podemos nós criar a nossa própria Sorte?

Sempre ouvi dizer que a Sorte é o ponto de intersecção entre a inteligência e a oportunidade. Não vou explorar o campo da inteligência, por motivos óbvios, mas quantas vezes as oportunidades nos passam ao lado?

Em termos de concepção de estratégias com as empresas onde trabalhamos, o grande desafio, para além de as criar, é a sua implementação. Nada é mais gratificante na nossa função do que agir como “facilitadores” numa reunião de brainstorming onde toda a equipa esteja orientada para conseguir resultados ambiciosos, onde se sentem motivados a participar, onde se fala sem reservas nem medos do que podem ser estratégias da empresa. Mas depois vem a parte fundamental, a da implementação. (...Ler Mais...)

05/10/2015Jose Almeida

Tempo de leitura: 1 min. e 14 seg.

Uma das coisas que pergunto frequentemente aos nossos participantes nos Workshops A Arte da Liderança e Coaching Comercial, prende-se precisamente com esta questão.

O que é que nasce primeiro?

A pedra ou a estátua?

Se remontarmos às palavras de Leonardo Da Vinci, ele diria com certeza a estátua. Se bem me recordo da história, o que ele dizia era que apenas retirava o excesso de pedra que estava à volta.

E com um comercial?

Será que ao olharmos para a pedra ele está lá dentro em potencial?

É de facto uma questão pertinente precisamente por causa do custo que um mau recrutamento pode ter.

É o custo do processo, da integração, dos meses de ajustamento sem vender, dos erros realizados com os clientes, das vendas perdidas, enfim já deve estar provavelmente a ver o filme. (...Ler Mais...)

05/10/2015Anabela Conde

Tempo de leitura: 2 min. e 4 seg.

Apostar nas pessoas, é apenas um dos factores do sucesso da sua empresa, passa também pelas que escolhemos fazer na empresa, nas nossas pessoas, na inovação, no crescimento e no sucesso.

Apostar nas PESSOAS

Saber, motivação e comunicação!

As pessoas são a marca da empresa, sem esse capital intelectual a empresa não seria seguramente a mesma. Motivar, desenvolver competências, falar aberta e atempadamente das situações e lançar constantemente desafios às pessoas, mais do que nunca, tem que fazer parte das nossas agendas diárias.
Já nos deve ter ouvido dizer que a liderança é como uma conta bancária, se não pomos lá nada, não há mais por onde cobrar ou pedir… Por vezes nem nos damos conta que pedimos e exigimos demasiado e damos muito pouco em troca, ou não o fazemos de forma sustentada.

Quando (...Ler Mais...)

28/09/2015Maria Vieira

Tempo de leitura: 1 min. e 27 seg.

Se conhece a série, sabe do que falo. Caso não conheça, é simples de explicar.
Um conjunto de pessoas, equipas de dois, totalmente isolados da restante família, a tentar recuperar a saúde e perder muitos quilos extra. Um sucesso de televisão em vários países que tem mudado as vidas dos participantes.

E você, o que gostaria de perder e de ganhar em 2011?

Nesta altura do ano, os balanços são inevitáveis e foi por 70-461 essa razão que me lembrei deste programa e de tudo o que envolve para lá das câmaras.

Mas o que tem isso a ver com as empresas ou com a nossa carreira?

Imenso, mais do que 70-462 podíamos supor à primeira vista, senão vejamos todas as áreas em que existe intervenção no Biggest Loser e em que podemos criar um (...Ler Mais...)

21/09/2015Jose Almeida

Tempo de leitura: 2 min. e 4 seg.

Equipa comercial?… Humm…

Não se assuste que não é nenhum anúncio para aquisição de óculos ou lentes de contacto.

No entanto, esta questão pode dar que falar se a ligarmos à actividade da sua equipa comercial.

Um das coisas que mais nos apaixona internamente na Ideias e Desafios é a temática do coaching.

Não a vertente do “Life Coaching” que tanto está na moda, mas a vertente mais empresarial do “Executive Coaching” e do “Coaching de Equipas Comerciais”, em que damos cartas há anos e em que fomos pioneiros em Portugal.

Poderá pensar:

“Mas isso não é uma moda?”

Sim, de facto assim parece quando olhamos para tudo o que se está a passar à nossa volta. No entanto, todas as modas têm coisas boas e coisas más.

No caso do Coaching de Equipas Comerciais, (...Ler Mais...)

15/09/2015Jose Almeida

Tempo de leitura: 1 min. e 40 seg.

Uma das questões que mais vezes nos surge no decorrer da formação Arte da Liderança e Coaching Comercial que temos realizado nos últimos anos com as empresas tem precisamente a ver com isto.

A síndrome da sanduíche!

Mas afinal o que é isto?

Por vezes, nas organizações, os líderes sentem-se completamente ensanduichados entre as pessoas que lideram e a gestão de topo da empresa.

Pode parecer piada, mas é um dos problemas em que somos mais vezes chamados a intervir.

A ideia é a seguinte:

De cima temos orientações de como gerir algumas situações polémicas.

Podem ser cortes nos ordenados, podem ser mudanças no sistema de remuneração, pode ser o facto de termos de despedir alguns dos elementos da nossa equipa devido a cortes orçamentais, enfim, está já a ver o teor da questão.

Em (...Ler Mais...)

08/09/2015Jose Almeida

Tempo de leitura: 1 min. e 16 seg.

Quando falamos de intuição, uma das coisas que ainda me incomoda nos dias de hoje é o facto de a maior parte das pessoas viver a vida com base numa percentagem.

Seja a probabilidade de as coisas correrem bem, seja o facto de por vezes não irmos por um caminho porque alguém nos diz que pode ser perigoso face ao alto…

E você? Quando foi a última coisa que fez em que o seu lado lógico não tenha entrado no processo?

Quando foi a última vez que no seu processo de liderança a decisão que tomou veio da “barriga” e não da cabeça?

Ou, se quiser, quando é que foi a última vez que não falou “Excel”?

Lembra-se do “Excel”? Aquele programa de folha de cálculo que serve, entre outras coisas, para criar tabelas, fazer (...Ler Mais...)

20/07/2015Maria Vieira

Tempo de leitura: 1 min. e 43 seg.

Por ser a única pessoa à sua volta com motivação e garra para enfrentar e vencer a crise?

Por se recusar a baixar os braços e a ceder a todas as influências negativas que nos bombardeiam constantemente, quer nos media, quer no semblante de quem se cruza connosco no trânsito ou na rua, quer nos suspiros cada vez mais sonoros dos colegas?

Mas se é um Cromo, seja bem-vindo!

Ainda são muitos pelo país e da mesma forma que a crise e todas as notícias negativas infectam as mentes de todos, também o sucesso, a motivação e a confiança podem contagiar muitos a adoptarem uma outra maneira de ser.

Seja cromo porque anda motivado

E porque consegue motivar os outros. Temos observado dinâmicas muito interessantes com equipas onde com pouca coisa se tem conseguido muito (...Ler Mais...)

Anterior
Seguinte

Palestra Online

Excelências nas Vendas em 2016 - Gravação já disponível
Palestra Online Gratuita

Calendário

Mais Eventos

Siga-nos